Iluminação na Decoração da Casa

Atualizado: há 7 dias

Luz é algo que não pode ser tocado, embora sua presença emocional seja sentida profundamente.


Lâmpadas substituem ou complementam a luz natural. Isso pode parecer obvio, mas não é. Sua função básica é permitir que possamos nos orientar e realizar tarefas no período noturno. Mas a luz é incrível e pode ser explorada das mais diversas maneiras: iluminando os ambientes da casa de maneira geral, iluminando direcionalmente algum ponto de trabalho especifico, destacando ou realçando algum ponto de interesse.


A luz preenche os espaços e tem papel fundamental na nossa percepção. Ela pode tornar um ambiente da casa acolhedor, espaçoso, enigmático ou mesmo estimulante.

Podemos destacar quatro pilares quando pensamos em um projeto de iluminação: difusão, direção, temperatura de cor e claro, estética.


Difusão


Luzes difusas são usadas quando queremos iluminar todo o ambiente. E para o conforto dos nossos olhos é importante que a luz seja difundida por um anteparo ou mesmo por uma parede ou teto. É incomodo quando nossos olhos veem a fonte da luz e não ela propriamente dita. Por isso é preciso muito cuidado na escolha de luminárias, principalmente aquelas com design específico.



Direção


Quando a luz precisa ser direcionada para alguma superfície específica, direta ou indiretamente. Uma dicróica para evidenciar um quadro, um abajur de piso para leitura, um spot embuitido em um nicho ou um plafon no teto para um clima mais intimista. Além de funcionais, as luzes direcionáveis deixam o ambiente charmoso e proporcionam diversos cenários para o mesmo espaço.


A temperatura de cor


Temperatura de cor não é a temperatura propriamente dita da lâmpada. Ela se refere à cor que dará ao ambiente em que ela for instalada. É o tom da iluminação. Basicamente pordemos divider em três as temperaturas de cor:


Luz Fria – fornece uma iluminação de tom claro, branco e azulado. É a luz relacionada à luz do dia e portanto, à produtividade. Ela é indicada para uso em ambientes que precisam de foco e atenção como cozinhas, banheiros, escritórios e salas de estudo.


Luz Neutra- fornece uma iluminação que fica entre a quente e fria e sua principal vantagem é a pouca interferência na cor do ambiente, já que ela faz um equilíbrio entre o azul e amarelo. É bastante utilizada em ambientes comerciais, de esportes, jogos e festas.


Luz quente - fornece uma iluminação em tom amarelado. É a luz relacionada ao conforto e aconchego. Ela é indicada para salas de estar, jantar e quartos.


Apelo estético


Com o avanço da tecnologia de iluminação, atualmente temos uma gama enorme de modelos de spots, plafons, pendentes e abajures no mercado. As opções são muitas e das mais variadas. No momento da escolha é importante levar em consideração o espaço da sua casa que será iluminado, os revestimentos que serão utilizados e até mesmo o mobiliário do ambiente, para que tudo possa conversar e se complementar de maneira harmoniosa.



Cheers e até semana que vem!

Este post é uma colaboração da arquiteta Lia Cimadon com Camminare Italinea

@Camminare Planejados 2020 - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Marketing Thinker